Notícias Jurídicas Nova redação da Súmula nº 277 do TST: Ultratividade das Cláusulas Normativas dos Acordos e Convenções Coletivas de Trabalho

Nova redação da Súmula nº 277 do TST: Ultratividade das Cláusulas Normativas dos Acordos e Convenções Coletivas de Trabalho

Nova redação da Súmula nº 277 do Tribunal Superior do Trabalho aprovada pelo Pleno na 2ª Semana do TST, em 14 de setembro de 2012:
“CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO OU ACORDO COLETIVO DE TRABALHO. EFICÁCIA. ULTRATIVIDADE. As cláusulas normativas dos acordos coletivos ou convenções coletivas integram os contratos individuais de trabalho e somente poderão ser modificadas ou suprimidas mediante negociação coletiva de trabalho.”
 

O princípio da ultra-atividade ou ultratividade significa, no Direito Coletivo de Trabalho, que as normas fixadas em acordos e convenções coletivas de trabalho se incorporam ao contratos individuais de trabalho, projetando-se no tempo.

E somente poderão ser modificadas ou suprimidas por via de negociação coletiva de trabalho, ou seja, a fixação de novas normas que modifiquem ou suprimam as normas existentes nos atuais acordos e convenções coletivas de trabalho.         

Mesmo que o instrumento normativo coletivo estabeleça o período de vigência de um ou dois anos, com a atual redação da Súmula nº 277 do TST, as normas coletivas estão incorporadas aos contratos individuais de trabalho, devendo ser respeitadas e aplicadas mesmo depois do término da vigência do termo coletivo, e somente com novo acordo ou convenção coletiva poderão ser modificadas ou suprimidas.

Comentários  

 
#1 Lucas 28-03-2016 16:02
Finalmente uma pessoa decente que explica a coisa de forma simples, sem fazer artigo de 15 páginas
Citar
 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

You are here Notícias Jurídicas Nova redação da Súmula nº 277 do TST: Ultratividade das Cláusulas Normativas dos Acordos e Convenções Coletivas de Trabalho

AGENDA_OIT

banner_livros_filmes